É preciso cuidar de nós

Antes de ser mãe, acreditava que nunca iria deixar que isso me impedisse de cuidar de mim, de ir ao cabeleireiro, de fazer a manicure. Dizia que não, que iria continuar a sair pelo menos uma vez por mês, à sexta ou ao sábado à noite, com os amigos, jantar fora com o L. ou ir ao cinema. Não ía ser uma mãe como a minha mãe, sem tempo para ela. Antes de ser mãe, achava que ía ser uma super mulher. Antes de ser mãe, pensava que tudo ía ficar como antes. Que ía conseguir contornar a rotina e ainda assim tirar partido do melhor dos dois mundos: ter um bebé e continuar a ter vida social.

Quando a rotina é a nossa melhor amiga

A verdade é que depois de ter um bebé, a rotina passa a ser a nossa melhor amiga, caso contrário corremos o risco de enlouquecer! E as saídas à noite com os amigos, com sorte, dão lugar a um café no parque depois do almoço ou a um lanchinho na pastelaria, vá.  E jantar fora com o L. significa pôr a bebé a dormir antes do fim do jantar e ter alguns minutos de colo livre em frente ao sofá para adormecer passados dois segundos. A rotina passou a ser a minha melhor amiga, tanto que, se por qualquer motivo as coisas não correm como habitual, instala-se o caos!

Tudo muda

Parece um cliché, mas é mesmo verdade. Os primeiros meses de vida da Alice foram alucinantes.  Muitas vezes, nem conseguia ter tempo para almoçar, nem para tomar um banho completo e quando olhava à minha volta, ainda tinha tarefas domésticas para fazer. No final do dia, sentia-me cansada e, ainda assim, como se não tivesse feito nada durante o dia todo! Nessa altura, não sabia que cuidar de um bebé é exigente, absorvente e deixa-nos pouco tempo para fazer outras coisas. Com o passar dos meses, e à medida que ela ía ficando mais independente, comecei a ganhar rotinas, a perceber os ritmos dela e a conseguir orientar e organizar melhor os dias.

A Alice tem agora 11 meses e, embora seja muito mais fácil organizar tudo, ainda continua a ser difícil fazer algumas coisas. Mas é preciso não esquecer que também sou mulher, é preciso continuar a cuidar de mim, é preciso continuar a ser feliz porque sou um exemplo. Porque quero que a minha filha me ache a mãe mais bonita do mundo. Porque quero que a Alice se orgulhe de mim, e que também ela se torne uma mulher feliz e confiante.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s