Noite de raparigas

No sábado passado, fui sair à noite com a minha melhor amiga, a E.  A primeira saída à noite depois de ser mãe. A primeira saída um ano depois de a Alice nascer. É difícil deixá-la, por isso, só agora consegui fazê-lo. O facto de ela ficar com o L. também me deixou mais tranquila, claro, e permitiu-me aproveitar melhor a noite. Fomos jantar ao japonês, beber um copo e assistir a um concerto de blues. O melhor programa para uma noite de raparigas. Soube bem! Foi libertador. E era preciso! Foi importante lembrar-me de mim outra vez, sentir-me “eu”, socializar, conversar, ouvir música, dançar, rir!

Noites loucas

É óbvio que foi diferente das saídas loucas que fazia antes da Alice existir, noites sem fim em que chegava a casa ao amanhecer e passava o dia seguinte a ressacar no sofá em frente à televisão. Com um bebé, sair à noite significa sacrificar o dia seguinte porque bebemos demais na noite anterior, dormimos pouco, e estamos cansadas para acompanhar a energia toda que ela exige de nós. Depois, há sempre coisas para planear: organizar a semana que aí vem, cozinhar e todas as outras tarefas domésticas.

O regresso a casa

Quando cheguei, ouvi a pequena a chorar. Fui a correr para o quarto, peguei nela, aconcheguei-a, dei-lhe o leitinho e adormecia-a no meu colo. É bom sair, mas também é bom regressar, abraçá-la, cheirá-la e esquecer tudo o resto que deixei para trás. Ser mãe também é isso. É um misto de emoções. É querer voltar a ser eu própria e, ao mesmo tempo, morrer de saudades quando estou longe.

Anúncios

One thought on “Noite de raparigas

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s